Zaibatsu

Qual significado do termo Zaibatsu? Venham dar uma conferida no texto para conhecer sobre este assunto!

O Japão é atualmente a terceira maior economia do mundo, ficando atrás dos Estados Unidos e da China, e é o país onde surgiram grandes empresas como, por exemplo, Honda, Nissan, Toshiba e outros. Essas grandes empresas são conhecidas como Zaibatsu, e para e entender melhor sobre esse termo precisamos voltar alguns anos na história do Japão até a Era Meiji.

Convido você a viajar pelo “Túnel do Tempo”, vamos lá ?

A economia do Japão seguiu um modelo de produção feudal até o século XIX, enquanto os países europeus deixaram este modelo na idade média, passando ao mercantilismo e no século XIX já estavam introduzindo o capitalismo baseado na Revolução Industrial e expandindo seus mercados. Dentro dessa estrutura feudal, o poder no Japão era descentralizado, sendo os Shoguns, líderes de clãs, quem comandavam seus feudos. Existia a figura do imperador, mas ele não tinha poder como os Shoguns. A economia japonesa era completamente baseada em atividades agrícolas e muito frágil, e seus portos eram fechados para o ocidente. Somente a partir de 1870 com a queda do Império Tokugawa e ascensão do Império Meiji que o Japão começou a criar uma reforma interna que mudou sua história, e foi chamada de Restauração Meiji, deixando de lado o sistema feudal e adotando um Estado centralizador, passando a governar a economia interna e tornando o Japão capaz de competir com mercados externos. O Imperador Meiji teve o apoio dos Samurais, que eram muito influentes neste período, além do apoio da nobreza. Na Era Meiji, os portos foram abertos para o ocidente e a economia se voltou para o capitalismo, ocorrendo uma modernização da infraestrutura no país, capacitação da mão de obra e fortalecimento militar, possibilitando a invasão da China e da Coréia do Sul para buscar recursos e formar colônias.

Foi nesta Era que surgiram os Zaibatsus: grandes conglomerados industriais familiares das classes líderes dos clãs, com privilégios na forma econômica. Famílias como Mitsubishi e Mitsui são exemplos que formaram esses Zaibatsus. Esses complexos industriais costumavam produzir de tudo, desde canetas até barcos, passando por carros e diversos itens do dia a dia. O termo Zaibatsu nos leva a pensar no nacionalismo e vontade de aprender e crescer do povo japonês, mostrando que não se deixariam ser dominados por políticas e empresas estrangeiras, criando sua própria indústria. As empresas mais conhecidas são: Toyota, Honda, Nissan, Mitsubishi, Suzuki, Mitsui, Nissin e Toshiba. Elas formaram conglomerados em áreas consideradas estratégicas para o desenvolvimento, como exploração mineral, indústria básica, indústria têxtil, bancos, automobilística e comércio exterior, tornando o Japão uma grande potência econômica e um polo industrial e de tecnologia, ficando em segundo lugar, atrás apenas dos Estados Unidos até a década de 1970, quando a China teve um grande crescimento e se tornou a segunda maior potência econômica do mundo.

As Zaibatsus foram proibidas após a segunda Guerra Mundial quando o Japão foi invadido pelo exército dos Estados Unidos. Ocorreu, então, a formação dos Keiretsus, que também são conglomerados industriais mas controlados por instituições bancárias, diferentemente dos Zaibatsus, sob controle familiar. Os Keiretsus permitiram uma profissionalização dos negócios, dando um incentivo maior para a economia japonesa. A indústria bélica também foi proibida no Japão após a Segunda Guerra, e o país começou a produzir em áreas diferentes, com destaque para a indústria da fotografia em que surgiram empresas como a Nikon e a Canon que, assim como as empresas citadas anteriormente, continuam atuando no mercado até hoje. Na área de eletrônicos se destacam a Sony e a Panasonic, com produtos conhecidos mundialmente por sua alta qualidade.

Assim podemos concluir que o Japão, por ser um país com uma cultura que preza pelo desenvolvimento e conhecimento, mesmo passando tanto tempo fechado para o ocidente e com sua economia baseada num sistema feudal até o século XIX, conseguiu alcançar e superar países europeus que iniciaram o processo de industrialização muito mais cedo e crescer com indústrias consideradas sinônimo de alta qualidade até os dias de hoje, mostrando a força a dedicação do povo japonês e de suas Zaibatsus, que deram início à grande potência econômica, industrial e tecnológica conhecida hoje do Japão.

 Zaibatsu - Wikipedia

Grupo Softbank é uma empresa de telecomunicações, anunciou que irá fornecer 300 mihões de máscaras por mês, por causa da escassez do material.

BYD é uma empresa de veículos eletricos que em fevereiro começou a produzir as mascaras em massa devido a propagação do Covid 19.

Agora a empresa Soft Bank, planeja comprar as mascaras do BYD e fornecer a maior número de pessoas (sem obter lucros), especialmente às pessoas que trabalham na saúde como os médicos e enfermeiros.

O governo japonês incentivou as empresas a produzirem mais máscaras, e esperam que o fornecimento mensal aumente para 700 milhões em maio.

 Fator de proteção para a máscara protetora N95 de filtração com trajeto de grampeamento imagens de stock

 

Como no Brasil, o Governo do Japão irá ajudar as pessoas que teve queda na renda devido os efeitos  da disseminação do novo  Corona virus, foi divulgada ontem 10/04/2020, os critérios para receber os 300 mil ienes. Esse benefício será igual para todo o país, de acordo com a queda da renda familiar.

No começo disseram que a máscara não fazia diferença contra a infecção, mas agora o próprio OMS (Organização Mundial da Saúde) estão revendo esse conceito.

Mas se o Covid 19, gosta de se alojar nos pulmões...... acredito que a máscara faz grande diferença sim, pois respiramos pelo nariz e onde vai o ar que respiramos ? Nos pulmões........ e se colocamos a máscara que protege o nariz e a boca...... enfim, pelo sim ou pelo não..... não custa nada prevenir, não é ?

Como as máscaras estão em falta no mercado, achei um site que aliás, tem muitos videos no Youtube, mas achei este muito "fofo" : Pois dá as médidas e o passo a passo para confeccionar, e agora que a maioria das pessoas está de "quarentena", temos tempo para fazer "arte" não é ? Espero que gostem.

https://marlenemukai.com.br/como-fazer-mascaras-de-protecao-para-uso-proprio-moldes-completos/ 

MÁSCARA EM TECIDO

Publicado pelo Portal Mie em 02 de abril de 2020

Como medida de prevenção 73 países sinalizados como nivel 3 de infecção estão na lista de recusa da permissão de entrada, são : países da Europa, Estados Unidos, sudeste asiático, parte da África, Oriente Médio e Américas Central e do Sul, incluindo Brasil, Chile, Bolivia e Equador.

Entra em vigor amanhã dia 03/04/2020 até o final de abril.

Aqueles estrangeiros e japoneses que chegaram ao Japão no dia 01/04, ficam de observação por 2 semanas de quarentena (14 dias) no hotel ou na residência.

 

Pessoas Infectadas pelo Covid 19, chega a 2. 231 !!!

Até dia 31/03/2020,  424 pessoas se recuperaram e 1.741 estão internadas para tratamento, sendo que 59 estão em estado grave.

Do navio Diamond Princess há 10 que continuam em estado grave. Foram registradas 66 mortes no país e 11 do cruzeiro.

Veja alguns hábitos que os japoneses possuem que tudo indica que ajuda bastante o vírus a não se propagar :

- Uso de máscara (eles já costumavam usar, em gripes, alergias)

- Tirar sapatos antes de entrar em casa

- Cumprimentos - fazem reverencia, sem tocar em ninguém

- Nos restaurantes, primeira coisa e servir o "oshibori", toalha de mão, molhada em água bem quente para higienizar as mãos, atualmente estão usando ácool gel

 

 

O que é AVIGAN

Avigam, é um remédio para combater outras doenças virais como a Influenza (gripe). Trata-se de Favipiravir, é uma substância química empregada experimentalmente como medicamento antiviral contra diferentes tipos de virus.

Em fevereiro de 2020, esse remedio foi submetido a experimentos na China contra o Covid 19. 

A Fujifilm Toyama Chemical, anunciou que irá conduzir testes do medicamento antiviral Avigan (favipiravir) em torno de 100 pessoas infectadas com o Covid 19, até o final de junho.

Executivos planejam ter aprovação para o uso do medicamento, se os testes mostrarem eficazes e seguros. 

Os pesquisadores chineses anunciaram que houve melhorias pulmonares em pacientes infectados que receberam o Avigan.